quarta-feira, abril 19, 2006

14 anos


Onde estavas quando tinhas 14 anos? Que fazias, em que pensavas?

Outros tempos, pensarás com saudade, ou só sabes que já passou, ainda bem?!

Foi confuso, atribulado, o corpo cresceu desordenado, tinhas borbulhas e pensamentos confusos, querias mas não podias, já tinhas idade para arrumar o quarto mas ainda não tinhas idade para sair à noite?

Foi tranquilo, gostavas de ficar em casa a ler, tinhas poucos amigos, mas que eram os melhores de sempre e a certeza de que um dia mudarias o mundo?

Na cidade Colombiana de Teluá, para combater o aumento do número de casos de SIDA e de gravidezes na adolescência, tomou-se a curiosa (para dizer o mínimo) medida: os maiores de 14 anos não poderão sair de casa sem que levem um preservativo consigo.

Por cá, tens sabido de alguma medida interessante da Comissão Nacional de Luta Contra a Sida?

E dos teus 14 anos, tens saudades?

8 Comments:

At 19/4/06 9:18 da manhã, Anonymous 40 said...

14!
Um número apenas, mas tambem um ciclo.
Talvez 2, porque na verdade eram três, mas um já passou para 15.

 
At 19/4/06 9:54 da manhã, Blogger dakidali said...

Os meus 14 anos foram tão diferentes dos da minha filha. Como o ser humano se adapta e consegue acompanhar estas diferenças é uma coisa que de vez em quando me faz uma certa confusão.
Beijinhos

 
At 19/4/06 11:01 da manhã, Blogger Folha de Chá said...

Os meus 14 andavam em descobertas. Com poucas borbulhas, mas muitas trasformações. Às vezes, arrumva o quarto. A maior parte delas, lia muitos livros. Passaram, tenho saudades das férias de 3 meses seguidos. :)

 
At 19/4/06 1:42 da tarde, Blogger Carlota said...

Olha que post tão giro!

Aproveito para dizer que aos 14 anos já fazia muitas coisas, mas nesta matéria específica não fui precoce. E era muito feliz, se calhar por causa disso mesmo!

Beijola

 
At 19/4/06 3:03 da tarde, Blogger papoilasaltitante said...

Quem não tem saudades dos 14 anos... mas os tempos são concerteza muito diferentes!!!
Também eu não fui muito precoce nesta matéria..mas o certo é que eles agora são-no...e mais vale prevenir que remediar!!
Tentamos enquanto pais que eles não sejam tão precoces, esse será o nosso primeiro papel, mas depois ... há que fazê-los pensar nos perigos.E se no nosso tempo eram os cuidados com as raparigas para que não acontecesse uma gravidez indesejada que ocupavam as mentes dos pais ...agora mais preocupações se instalaram, com rapazes e raparigas. Por isso nada de ignorar... há que agir!!!
Bjs
P.S. Pois é temos mesmo coisas em comum... e a apresentação dos dois...um dia quem sabe :)))
bjs

 
At 19/4/06 9:22 da tarde, Blogger Sinapse said...

14 anos? era uma criança ainda ...

 
At 20/4/06 7:35 da manhã, Blogger UrsaM said...

Aos 14? Já fugia de casa... até a esquina.
Mas o passado... já passou!
Quanto às meninas e meninos, melhor informar e instrumentar do que tentar impedir os voos!
Se percebes que um jovem é mais cedo propenso ao sexo porque não orientá-lo para que seja uma experiência boa e bela? Não se impede o curso dos rios...Acho que aquele que veio antes, existe para orientar.

 
At 6/2/07 10:31 da manhã, Anonymous Anónimo said...

You have an outstanding good and well structured site. I enjoyed browsing through it Pamela anderson snap dragon picks Prescription anemia medications Cheap interntional calls cheap dental plans hereditary spastic paraplegia Cotton chambray shirt xerox ao plotters Low blood pressure and heat hair removal company moving phoenix Farmers insurance group of california com Black hair loss in women of color Native american outlook express stationary Super bowl proposition bet interracial smut gremlin Car insurance cleveland ohio loss wbr medication online weight xenical Interlocking driveway Linux plotters lipitor is a prescription Formula for calculating body fat

 

Enviar um comentário

<< Home