sexta-feira, fevereiro 09, 2007

A vaquinha da Nonô


A Leonor estava no berço 31, mas era tão pequenina que Leonor era um nome grande demais para ela. Ficou Nonô, meio quilo de gente. No dia em que a Nonô nasceu, bem antes do dia em que devia nascer, nasceu na quinta do avô uma vaquinha, a vaquinha da Nonô. Nonô e família são dos Açores e os pais tiveram que vir para Lisboa para esperar por ela. Acho que se enganaram na morada que deram à cegonha ou assim.

Miguel no berço 33, assim que chegou espichou o olho para a Nonô, que tinha o provocador hábito de ir trocar as fraldas sempre que ele estava no trocador, exibindo fartamente as perninhas que iam criando refegos.

No berço 44 ficava Rodrigo, um toco de gente de 33 semanas que não tinha lido nos manuais que os bebés só adquirem reflexo de sucção às 35 semanas e, teimosamente, insistia em sugar os 40cc do biberão a 200 à hora, só para contrariar o saber científico dos pediatras e humilhar o Miguel que só comia por sonda, apesar de ser mais "idoso".

Miguel ficou de olho nas pernocas e na vaquinha da Nonô (toda a gente sabe que uma vaca açoriana dá até 60 litros de leite por dia e nesta fase leite, mais do que as pernocas da Nonô, é assunto de grande interesse para o Miguel) e os pais de ambos acertaram o noivado (apesar de o pai do Miguel achar que uma vaca, mesmo açoriana, não é um bom dote, por causa da brucelose e outras chatices tipicamente bovinas).

Nonô despachou-se a alcançar os critérios para abandonar o cativeiro e deixou o Miguel e o Rodrigo cheios de saudades.

Rodrigo primeiro, Miguel ligeiramente depois, lá se despacharam e finalmente estão em casa, ao dispôr de quem vier por bem para longas sessões de beijocas e apertões nas bochechas.

Aos três mosqueteiros pequeninos e valentes, o abraço apertadinho e a homenagem deste blog. Soninhos felizes!

39 Comments:

At 9/2/07 5:26 da tarde, Blogger UrsaM said...

Que coisa mais linda este post!
Você não consegue se desligar do Nós! sempre ligada aos fatos e pessoas á volta.
Não imagina como fico feliz com esta notícia! Então, o Miguel seria mesmo um aquariano próximo ao do vô Beto, daqui, de alem mar! Agora vão ser duas festas, 9 de janeiro e 9 de fevereiro!
Imagino a felicidade nesta casa e faço votos que estes tres pimpolhos sejam amigos para sempre!
Um beijo para as meninas e para os queridos pais deste anjo. Que ele aceite os apertões virtuais de sua família carioca.

 
At 9/2/07 6:34 da tarde, Blogger Madalena said...

Lindo!!!! Lindo!!!! Lindo!!!!
E ainda por cima com recheio muito feliz no que diz respeito aos três bebés que podendo ser repreendidos pelo excesso de velocidade na viagem até cá, não se enganaram na morada da barriga das mães.
Mil muitos mil beijinhos para ti Azulinha que sabes trazer até aos nossos corações as emoções boas de que tanto precisamos. Um dia vou conhecer-te Azulinho!!!!Quando eu tiver uma princesa para te apresentar, não escapas ao cortejamento!!!!
Mais um xi apertado!

 
At 9/2/07 6:51 da tarde, Blogger AEnima said...

ai que lindo lindo lindo!!!

olha... ja me sinto "tia" tambem eu desse pequeno! E tenho pena nao poder ir ai fazer umas figurinhas parvas ao balbuciar sons ao miguelito, mas deixas-me ir visita-lo la para maio?

Que bom que ele esta em casa e a crescer forte :)

Beijocas a ele, ao coleguinha do futebol e ah "noiva". Bravos!

 
At 9/2/07 9:56 da tarde, Blogger Luísa Hingá said...

Eu sentia a falta de uns posts tão ternurentos. Que bom que o Miguel já está no palácio. As manas devem estar louquinhas de alegria.
Desejo a todos as maiores felicidades.

 
At 9/2/07 11:12 da tarde, Blogger Tongzhi said...

3 Histórias, 3 finais felizes!
Mesmo separados pela distância e pela vida, haverá sempre esta tua história comum.
Lindooooooooo
Felicidades para os três!

 
At 9/2/07 11:16 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O Miguel era sempre o mais bem comportado. O Rodrigo o verdadeiro gambá daquele berçário, mas também com a vizinhança que lhe calhou em sorte (!?) nada seria de estranhar. A Leonor claro que tinha que se perder de amores pelo Miguel, mesmo esquecendo o interesse na vaca!! Ficámos muito felizes por o Rodrigo ter estado naquele serviço ... Na verdade, na nossa vida tem sido assim: aquilo que parece que Deus nos quer tirar transforma-se sempre em algo muito bom que devemos acolher.
Consideramo-nos uns privilegiados na vida e pela Vida ... este é mais um dos privilégios : termos estado no mesmo serviço, ao mesmo tempo que o Miguel e a vossa Família. Muito obrigada!
Rodrigo, Mãe e Pai

 
At 10/2/07 12:15 da manhã, Blogger Bel said...

Bem adorei a vaca.
jinhos bom fim de semana

 
At 10/2/07 2:10 da manhã, Blogger Cristina said...

azulinha, valeu a pena vir ler esta delícia de post. parabéns minha amiga e tudo, mas mesmo tudo de bom no regresso a casa e para sempre :))

amei a vaca :p

deixem combinado um almoço para daqui a 20 anos....:)))


beijocas e um abraço do tamanho do MUNDO!

 
At 10/2/07 9:04 da manhã, Blogger Carlota said...

Quem diria que estes bebés se tornariam em estrelas da blogosfera?...
Que sejam bem comportadinhos, para crescerem bem, agora que - finalmente! - já estão nas suas casa.
Beijolas.

 
At 10/2/07 12:19 da tarde, Blogger papalagui said...

Bonita homenagem! As Leonores ficam sempre Nonôs e mesmo já abandonando a juventude continuam. Eu que o diga ;-)
Beijinhos

 
At 10/2/07 12:53 da tarde, Blogger dakidali said...

Finalmente em casa. Que bom. O meu filho mais velho nasceu de 32 semanas, também comia por um sonda, pesava 1,850Kg,media 32cm, bem sei o que passaste. Era lindo de morrer e cabia na mão do Pai. Hoje já quase com 20 anos é um rapaz para 1,80m, anda no 2º ano do Técnico em Eng. Física e Tecnológica. Com amor, paciência, sabedoria e carinho tudo se cria.
Beijinhos a ti e ao Miguel.

 
At 10/2/07 2:22 da tarde, Blogger Nana said...

Gostei de saber da historia desses três comparsas !
Benvindo ao Miguel chez lui ! "depressa" estarà correndo por todo o lado !...

 
At 10/2/07 4:16 da tarde, Blogger Fábia S said...

Que bom que bom! Minha pequena ainda não tem o nome de vez, ele vai chegar na sua hora. Beijo grande e boas vindas ao Miguel.

 
At 10/2/07 4:16 da tarde, Blogger Fábia S said...

Que bom que bom! Minha pequena ainda não tem o nome de vez, ele vai chegar na sua hora. Beijo grande e boas vindas ao Miguel.

 
At 10/2/07 4:17 da tarde, Blogger Barão da Tróia II said...

Fixe tás de volta, bom fim de semana.

 
At 10/2/07 9:24 da tarde, Blogger Paulo Sempre said...

Risssssssssss.

 
At 11/2/07 8:35 da manhã, Blogger mariamcunha said...

Fico muito contente por tudo estar a correr bem. Tenho tido notícias suas através do Amilcar, e assim não a incomodo a sim, que precisa de descanso e de aproveitar ao máximo o seu Miguel.
Um dia destes a minha Mãe vai ligar-lhe...
Beijinhos

 
At 11/2/07 12:45 da tarde, Blogger greentea said...

adorei o teu post de hojje!!!!!!!!!!!!!
lindas histórias de miúdos arejados, mente aberta e que lutam pela vida - sem complexos de peso!

Um VIVA para eles e para os pais que os apoiam nessa luta de fazer pela VIDA.

Beijos para ti

 
At 11/2/07 2:51 da tarde, Blogger Fora Das Mãos said...

Ah! Que bom como mosqueteiros que se prezam já vencem batalhas, em "perigos e guerras esforçados". :)bj e boa recuperação

 
At 11/2/07 4:22 da tarde, Blogger MARTA said...

Olá, Miguel já em casa - a dormir, a mamar como deve ser e sobretudo, sonhar.
Sê feliz, Miguel - contente por estares aqui connosco a partilhar a vida.
Diz obrigada à Mamã por mim, por responder ao meu desafio e quando quiser ler a minha versão, já lá está.
Um xi muito grande para ti e outro para a Mamã.
Beijos e abraços
Marta

 
At 11/2/07 7:55 da tarde, Anonymous Noélia said...

Que bom que já tem o seu bebé em casa, com as manas: uma rainha, uma princesa e um rei, um conto de fadas! Parabéns e muitas felicidades e beijos.

 
At 12/2/07 12:59 da manhã, Blogger boleia said...

:)
és tão querida!
são!

 
At 12/2/07 10:53 da manhã, Anonymous casadaponte said...

Que post tão cheio de ternura! E também dá para sentir a ligação solidária. É o que acontece nestes espaços onde estamos tão dependentes da mesma solução e a Azulinha consegue descrevê-la com uma magia tão bonita!
Felicidades para o Miguel e que continue a crescer cheio de miminho, extensivo claro aos amiguinhos de "luta".
Beijinho
M.Dores

 
At 12/2/07 10:53 da manhã, Anonymous casadaponte said...

Que post tão cheio de ternura! E também dá para sentir a ligação solidária. É o que acontece nestes espaços onde estamos tão dependentes da mesma solução e a Azulinha consegue descrevê-la com uma magia tão bonita!
Felicidades para o Miguel e que continue a crescer cheio de miminho, extensivo claro aos amiguinhos de "luta".
Beijinho
M.Dores

 
At 12/2/07 12:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Que saudades de vc!!! Mtos beijos para td a família.
Renata

 
At 12/2/07 4:10 da tarde, Anonymous anamoris said...

Valeu a pena esperar tanto tempo por novos textos teus. A Azulita está inspirada pela maternidade.
Desejo a esses pequeninos muitas feliciades.
Beijos, muitos, grandes

 
At 12/2/07 6:14 da tarde, Blogger Mãe do Outro Mundo said...

Que bom voltar e ler estas noticias. Muitos beijos fofinhos em toda a familia e um especial para a Mamã e para seu seu pimpolho cheio de vontade de experimentar esta magnifica aventura que é viver.

 
At 12/2/07 9:44 da tarde, Blogger Meia Lua said...

Tão pequeninos e tão valentes... lutam pela vida, fazem-se crescer. Só não são maiores que o amor das suas mães. Uma benção... beijinho grande para ti e para o Miguel :*

 
At 12/2/07 10:59 da tarde, Blogger Hindy said...

Mais um texto delicioso. Lá "toca" outra vez o meu relógio biológico! :/

Fico feliz por saber que estão todos bem!

Boa semana e beijinhos hindyados! :o)

 
At 12/2/07 11:02 da tarde, Blogger Amélia do Benjamim said...

Olá!
Só mesmo para dizer que adorei ler este teu post.
Sonhos felizes, sim.
bjo

 
At 12/2/07 11:45 da tarde, Blogger Silver said...

Ahpah! fazes-me chorar sorrisos rasgados. Acho que esses mosqueteiros pequeninos e valentes, são os herois desta festa. Bem vindos! Bem hajam por deixarem tanta gente tão feliz. muitos bjiiiinhes

 
At 13/2/07 12:10 da manhã, Blogger Carlos Malmoro said...

...e a homenagem deste comentador à mamã. Beijocas

 
At 13/2/07 1:28 da tarde, Blogger wicky said...

tudp bom para esses meninos lindos . e para a vaquinha tb

beijos.

 
At 14/2/07 10:07 da manhã, Blogger bia di sal said...

Bem vinda a casa com Miguel nos braços!

Tudo de bom para vocês todos!
Beijos

 
At 14/2/07 10:19 da manhã, Blogger Ck in UK said...

Beijinhos pro miguel e pra mae dele,s chegadinhos de hong kong. e que pouca vergona e essa de iniciares o rapaz nestas malfadadas vidas de amores enquanto ele e tao novito????

 
At 14/2/07 3:39 da tarde, Blogger pitanga said...

Ah,essas mães!! São todas iguais, só mudam o endereço. Se pensaste se eles se casam? Onde vais guardar a vaca, hein hein?

Feliz maternidade e beijos doces

 
At 14/2/07 5:03 da tarde, Blogger melga meiguinha said...

Coitadinho do Miguel, tão pequenino é já com um fardo destes às costas.

Beijocas.

 
At 16/2/07 3:41 da tarde, Blogger a lice said...

As Nonôs açorianas são perigosas... Acautela o teu filhote!!!

(Adorei ler este post...)

 
At 16/11/07 9:17 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Já á muito que era para aqui deixar um comentário, mas passa um dia e outro e só agora o vou fazer.
Segui a história da Nonô, desde o inicio da gravidez da minha querida amiga Célia,um exemplo de mulher, mãe e de uma lutadora.
A menos de um mês do seu primeiro aniversário, 13 de Dezembro,a nossa Nonô tá uma linda menina, orgulho de seus papás e avós, que tanto lutaram, sofreram para a ter junto a eles e de todos os amigos que de longe e perto os apoiaram e com eles sofreram a sua dor e os felecitaram pela chegada da tão anciada bébé a nossa Leonor, para os mais chegados como voçês será para sempre a Nonô.
Beijos para o Miguel e Rodrigo e felecidades para os pais, que tiveram o prazer de conhecer a nossa linda Nonô.
Quanto á vaquinha, podem ter a certeza que está linda, ainda mais criada pelo avô que tanto se orgulha da sua netinha.

 

Enviar um comentário

<< Home