domingo, março 19, 2006

Desafio


Mora em Londres uma mulher de 38 anos. Chama-se Milene, é toxicodependente, viciada em heroína que injecta há mais de 20 anos. Tem 4 filhos, 3 meninas e um rapaz. Nasceram todos prematuros, a ressacar e com baixo peso. São todos perfeitos, com idades entre os 18 e os 6 anos, crianças lindas que ela nunca criou. Estão 2 com a avó materna e dois com um dos pais. Ela não os visita, trafica, prostitui-se, vai presa, sai da prisão, não tem tempo para eles. Está outra vez grávida, de 8 meses. Continua a consumir. A ecografia revela um bebé perfeito.

Há no mundo infinitas mulheres a travar batalhas pela fertilidade.

Há em Lisboa uma mulher que acredita que os bebés vêm de Paris. Está grávida. Hoje é dia dos Pais. Ela ofereceu uma camisa ao futuro Pai e descobriu que sangrava.

Desafio-te, Sr Deus: prova lá que, apesar de tudo, és um gajo fixe.

18 Comments:

At 19/3/06 1:41 da tarde, Anonymous melguinha said...

Não, por favor diga-me que eu não percebi o que está escrito!

E qual gajo fixe?

Se ele existisse estas coisas não aconteciam.
Que revolta.

Só tenho muitos beijinhos para lhe enviar.

 
At 19/3/06 2:48 da tarde, Blogger C_mim said...

Deus,

Nenhum idioma, sem ser o meu,
chama pela mãe como um feliz lamento.

Ser mãe não é um destino!
Ser mãe não é um caminho!
Ser mãe não é um desejo!
Ser mãe não é uma vontade!

Ser mãe é desejar vida!
É desejar a natureza na sua forma
mais bruta e pura.

Ser mãe é rir e chorar...
É brincar, cuidar, alimentar e dar parte de carne e alma de si,
Ser mãe é saber dizer não, sim e não sei.
Ser mãe é uma causa;
Uma causa de amor,
Uma luta, uma rebelião,
Um fruto de paixão.

Ser mãe é o reflexo e uma extensão de Deus.
Quem cuida dos teus cordeiros?
Quem os alimenta?
Quem os educa segundo os Teus princípios, venera o Teu universo
prolonga a Tua natureza?
Quem proteje e vela o Teu lar?
É a mãe, meu Deus!... É a mãe...

É a mãe e o pai, e todos aqueles os que tenham essa vocação...

Vela por eles!

Perante ti está uma mulher que tem essa vocação e transporta uma semente de humanidade.

Deus, por favor, cuida da tua natureza.

 
At 19/3/06 3:32 da tarde, Anonymous melguinha said...

Tenho tanta pena de não lhe saber dizer coisas tão bonitas como a C_mim!

Mas sabe o que vai no meu coração, não é verdade?

E seja lá quem for em que acredita, que dê um empurrãozinho para a fazer feliz.

 
At 19/3/06 3:42 da tarde, Blogger 125_azul said...

Desafiei-o, mas parece que Ele não está à altura do desafio. Tinha que ser hoje, Dia do Pai e véspera de início de Primavera? Só se for para escarnecer da raça humana...

 
At 19/3/06 3:46 da tarde, Blogger 125_azul said...

Desafiei-o, mas cada vez fica mais claro que Ele não está à altura do desafio. Tinha que ser logo hoje, Dia dos Pais e véspera de início de Primavera?
Assim fica difícil manter a fé...
Obrigada por estarem aí

 
At 19/3/06 3:55 da tarde, Anonymous melguinha said...

O que é que eu posso dizer ou fazer?

Estou soluçando.

Gostava tanto de a poder abraçar e dar-lhe o meu colinho.

Mas, mande-o à fava e não desista.

 
At 19/3/06 5:30 da tarde, Anonymous Amiga Encaracol. said...

Desta vez no meu coração estava a acreditar que seria tudo bem. Eu acredito que não tem que haver desafios a ele, nós é que temos o desafio de continuar a ter fé. Amiga não desistas e acredita, mantem o amor no coração, e não a zanga do desafio...
Estou a desejar e pedir à Nossa Senhora que fique tudo bem, gosto muito de ti, incondicionalmente!

 
At 19/3/06 5:45 da tarde, Anonymous the city lights said...

....olá 125, ..... li ....... reli ...... voltei a ler......e só me resta oferecer-te(lhe) um abraço forte,a trasmitir o máximo de amor,(sem 2º sentidos),que um ser humano pode transmitir a outro.....e (talvez) chorararmos baixinho no ombro uma da outra.
E apesar de eu não ser ninguem, não te conhecer,nem querer,irei sempre estar por aqui!
Um Bacci

 
At 19/3/06 6:48 da tarde, Anonymous melguinha said...

Deixei-lhe um comentário em C_mim.

 
At 19/3/06 9:12 da tarde, Anonymous melguinha said...

Então sodona 125-azul?

Vá por favor a C_mim.

Estamos a tentar mimá-la.

Deixe o seu Rafael um bocadinho só e venha fazer companhia a estas "malucas"(espero que a c_mim não me bata).

Até já.

 
At 20/3/06 10:02 da manhã, Blogger greentea said...

se és um gajo fixe, prova lá sim!!!!
q não dá para entender...
há mulheres q querem desesperadamente um filho e não conseguem engravidar
há mulheres q engravidam têm os filhos e deixam-nos na maternidade

há mulheres toxicodependentes, com HIV e ficam grávidas e têm filhos sãos e escorreitos

e outras
e
e
e
será que o gajo fixe trocou as fixas
ou o portátil dele marou completamente

nada acontece por acaso
mas a minha capacidade não chega para entender

 
At 20/3/06 12:26 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Afinal o meu feeling estava certo ...Afinal a Loura percebeu bem o comentário do teu princípe.Não desistam.
Um beijo e um abraço apertado .

 
At 20/3/06 3:39 da tarde, Anonymous PAI said...

Será fixe à sua maneira e eu não ficarei mais triste, por que já sou um Pai, mais fixe do que ele.
Força Mulher que tens um filho vindo de Paris e que até já foi a Londres.

 
At 21/3/06 3:44 da manhã, Blogger Fábia S said...

Fica tranquila e não desafia, a gente não sabe a ordem das coisas, nem digo deus exatamente, mas natureza, olha a tua volta saúda tuas filhas, teu amor e a si mesmo o que é teu não te escapa, não insista num querer, esteja disponível para sua vida, deseja e livra o pensamento. Não diminuo nem por um segundo sua dor, e te mando todo carinho e força para ter certeza que seu destino é um presente seja como for, e que seja como queres. Beijo grande.

 
At 21/3/06 3:48 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Todos somos um tanto fortes e um tanto fracos. Cada qual ao seu feitio. Muitas mulheres fracas de coração e de mente não o são no corpo físico. Outras fortes de mente e coração são frágeis no corpo físico e assim a vida se equilibra e ninguém sabe o que se vai por dentro a cada um!
Talvez um dia, uma senhora de alma forte desejou muito ter uma filha. depois de muito lamentar, rogar a deus e desafiá-lo, concebeu e pariu, talvez em Londres, uma filha frágil de coração e de mente. Não sabia o futuro, chamou-a
... Milene. E hoje talvez questione a Deus porque a teve!

 
At 21/3/06 5:04 da tarde, Blogger Folha de Chá said...

Se a vida for vista «apenas» do ponto de vista humano, ela apresenta-se TÃO injusta. Mas a espiritualidade ensina outras razões, como a lei do Karma. :)

 
At 3/6/06 6:33 da tarde, Blogger Su said...

iap... pois!

 
At 3/3/07 8:26 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Best regards from NY! »

 

Enviar um comentário

<< Home