sábado, março 04, 2006

Liberdades


"Liberdade é uma palavra que o sonho humano alimenta.
Não há ninguém que a explique
e ninguém que não a entenda!", Cecília Meirelles, a poetisa da alma

Se fosses como elas,
Serias um fantasma de negro
Ou sentias o poder do mistério oculto atrás do véu?

Escolhias o silêncio asfixiado
Ou o olhar penetrante e sensual sublinhado a kajhal?

Sonhavas?, Fugias?, Lamentavas?

Consegues vestir a burka, cobrir-te com o chador e entrar na pele delas?

Consegues indignar-te pelas que são obrigadas a usá-lo
E enternecer-te
pelas que o aceitam, crentes e felizes?

Revês algo de ti nelas?

Concebes um mundo uniforme onde a individualidade da tua mini-saia ou do teu corte de cabelo te fosse negada?

Quando te escondes e o teu medo te congela, não é como se estivesses de burka?
Para mim, é, que te perco atrás daquelas sombras...

7 Comments:

At 4/3/06 10:56 da manhã, Blogger a lice said...

Infelizmente ainda nem todas nós, mulheres, somos livre...:(

Bom fim-de-semana!

 
At 4/3/06 5:22 da tarde, Anonymous melguinha said...

Mil desculpas mas ainda não consegui matar o escorpião que tenho cá dentro.

Não se preocupe.

Beijinhos.

 
At 4/3/06 7:03 da tarde, Blogger C_mim said...

Ups...

Regras:
Cada bloguista participante tem de enumerar cinco manias suas, hábitos muito pessoais que o diferenciem do comum dos mortais. E, além de dar ao público conhecimento dessas particularidades, tem de escolher cinco outros bloguistas para entrarem, igualmente, no jogo, não se esquecendo de deixar nos respectivos blogues aviso do "recrutamento".

 
At 5/3/06 6:42 da manhã, Anonymous Angela said...

Liberdade... será que o ser humano sabe o que fazer com ela?

Afinal Melguinha apareceu!
Não sei o porque do escorpião mas espero que a deixe logo em paz!

Afinal, Melga, agora terei como usar os dados que me destes e em breve te direi alguma nova. Um bj.

 
At 5/3/06 3:34 da tarde, Anonymous melguinha said...

Querida 125_azul lembra-se de lhe ter dito em tempos que preferia a Liberdade mesmo com um bocadinho menos de Pão?

Angela querida fico à espera das suas novidades.
Não sabe a história do escorpiâo que pediu à râ para o ajudar a atravessar o rio?

 
At 7/3/06 11:15 da tarde, Blogger Folha de Chá said...

É o medo que controla a burka e a mantém, sempre por cima da pele. E aquele tipo de sociedade, que não integra as mulheres, é feita de medo.

 
At 23/4/07 5:24 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Looking for information and found it at this great site... Chlordclidi medication http://www.silkflowers8.info top rated software downloads business health indiana insurance small Laptop accessory rhinoplasty 2003 honda vtx retro Medallion golf club design a kitchen cabinet sport Comcast spam filter

 

Enviar um comentário

<< Home